Facebook

header ads

Exclusivo! Ivonete pauta proibição de reeleição e eleição antecipada para a mesa


O plenário da Câmara Municipal de Campina Grande deverá ter sua primeira reunião mais acalorada após as eleições de 15 de novembro. É que a presidente da Casa, vereadora Ivonete Ludgério (PSD), pôs em pauta projetos que emendam a Lei Orgânica e o Regimento Interno para alterar o processo de eleição para a mesa diretora.

Os projetos vedam a eleição antecipada dos integrantes da mesa e a possibilidade de reeleição dos mesmos integrantes para um segundo mandato de direção dentro da mesma legislatura.

A eleição antecipada se tornou uma prática em diversas casas legislativas, incluindo o parlamento-mirim municipal. Foi assim que a própria Ivonete se reelegeu antecipadamente para um segundo mandato de presidente poucos dias após a primeira eleição em 2017.

A alteração seria um acordo de Ivonete com um grupo de vereadores para assegurar a adesão ao seu nome para uma recondução ao cargo. A vedação à reeleição dentro da mesma legislatura seria também uma garantia de não se repetir o que ocorreu há quatro anos, quando o acordo para que a mesa fosse dirigida no segundo biênio por Marinaldo Cardoso foi quebrado, beneficiando Ivonete.

Parlamentares que são contra o nome da atual presidente prometem se opor à mudança.

Postar um comentário

0 Comentários