Facebook

header ads

Romero e Bruno exercem direito de resposta dentro do “guia” de Bolinha


Já entrou no ar o direito de resposta do prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSD), dentro do tempo reservado ao prefeitável do PSL, Artur Bolinha, para propaganda no rádio e na televisão. A decisão de conceder o espaço saiu na semana passada, tendo a justiça entendido que o conteúdo de peças divulgadas em inserções de Bolinha feriu a honra de Romero e Bruno.

Conforme alegado nas representações, “nas inserções veiculadas nos dia 17 de outubro (turno da manhã e tarde), o candidato representado apresentou propaganda em que lançou injúrias contra o representante, chamando-o de corrupto e fez afirmações claramente e sabidamente inverídicas”.

Ao exercer o direito de resposta, Romero afirmou que não é alvo de qualquer denúncia. “Fui vereador, presidente de Câmara, deputado estadual e federal, secretário de Estado e prefeito de Campina por suas oportunidades. Saí de todos esses cargos e vou sair da prefeitura com as mesmas mãos limpas com que entrei”, diz o prefeito.

“Nunca me imputaram o desvio de um só centavo sequer. Meu nome não é citado em qualquer investigação”, complementa, falando ainda sobre as ações de sua gestão e dizendo que tem o perfil de “trabalhar discretamente”. Romero encerra a fala, de um minuto, dentro do tempo de Bolinha, exaltando o perfil de Bruno Cunha Lima.

O prefeitável do PSD também aparecerá ainda neste fim de semana em inserções do candidato do PSL exercendo direito de resposta.

Postar um comentário

0 Comentários