Facebook

header ads

Vereador anuncia e presidente “desanuncia” apoio de partido a pré-candidato a prefeito


O vereador Marinaldo Cardoso sofreu um constrangimento público dos grandes após decidir falar em nome do seu partido, o Republicanos (antigo PRB), para anunciar apoio à pré-candidatura a prefeito do ex-deputado estadual Bruno Cunha Lima, do PSD.

Falando como porta-voz do Republicanos, Marinaldo, que é bastante ligado à família Cunha Lima, disse à imprensa que “esse é o posicionamento do partido que reflete o meu posicionamento também”, e complementou: “Sempre defendi o nome de Bruno por estar alinhado com os ideais dele, de uma política honesta, e por entender que ele está preparado para continuar e avançar com o trabalho do prefeito Romero”.

Ocorre que não demorou para o presidente do partido, Tertuliano Maracajá, procurar a imprensa para desmentir veementemente as declarações do parlamentar. Conforme o dirigente, Marinaldo só pode falar em nome próprio, não cabendo ao vereador esse tipo de anúncio. Tertuliano foi moderado nas palavras, mas sem disfarçar a profunda irritação com o correligionário.

O presidente do Republicanos assegurou ainda que a legenda está sem qualquer encaminhamento em favor de um ou outro prefeitável do grupo e explicou que a palavra final só virá após uma conversa com o prefeito Romero Rodrigues. Ou seja, para a cúpula da legenda, Marinaldo Cardoso, que é de pouco falar, teria falado demais...

Postar um comentário

0 Comentários