Facebook

header ads

PB está perto de estabilizar número de mortes por covid-19, diz pesquisa


Segundo o 11º relatório de pesquisa do professor Josenildo Brito de Oliveira, da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) já se pode pensar que a Paraíba atingirá a zona de platô com relação ao número óbitos pela Covid-19. A estabilização do número de mortes representa um grande passo no controle da pandemia. No entanto, para se chegar a esse estado de platô, as medidas de proteção precisam continuar. 

“Pelos resultados que projetamos, Paraíba e São Paulo devem iniciar a aproximação, e talvez permanência, à zona de platô até o final de julho. Mas é uma previsão que depende de outros fatores, pois a flexibilização inadequada e planos desordenados de reabertura da economia podem prejudicar essa expectativa positiva e alterar a tendência analisada”, explicou o professor. “Por isso, ainda é essencial que a população cumpra as orientação de distanciamento social e as medidas de proteção contra o vírus”, completou.

O trabalho do professor Josenildo, no entanto, ainda prevê uma modificação crescente nos números até o próximo sábado, dia 4 de julho. Neste final de semana, o Brasil deve registrar cerca de 1,56 milhão de casos confirmados e 64 mil mortes. Já a Paraíba, de acordo com os dados da pesquisa, chegará aos 53 mil casos da Covid-19 e registrará, aproximadamente, mil óbitos.

Para realizar as previsões, o professor Josenildo utiliza dados do Ministério da Saúde e dos governos de Paraíba e São Paulo. Também são obtidas informações do site da Universidade Johns Hopkins (EUA). O trabalho conta com a participação do estudante Pedro Barbosa, também da Unidade Acadêmica de Engenharia de Produção do Centro de Ciências e Tecnologia (UAEP/CCT).

Para acessar o Relatório na íntegra, clique aqui.

(Ascom CCT/UFCG)

Postar um comentário

0 Comentários