Facebook

header ads

Fundador do PSD, mas esquecido por Kassab, Manoel avisa: sou pré-candidato


O deputado estadual Manoel Ludgério, do PSD, divulgou um áudio a respeito das declarações do presidente nacional da legenda, Gilberto Kassab, que durante entrevista à rádio CBN afirmou que o partido terá candidato a prefeito de Campina Grande e que este será o ex-deputado Bruno Cunha Lima, que, de acordo o paulista, é o único pré-candidato da sigla.

A fala, que ainda incluiu outros tantos elogios ao noviço pessedista (Bruno se filiou em abril último), ignorou completamente o calejado prócer Ludgério, há muito integrante da sigla e membro de cúpula do partido, além de deputado estadual e igualmente pré-candidato ao Palácio do Bispo.

Esquecido por Gilberto Kassab, a quem chamou de “meu presidente e amigo”, Ludgério disse ter recebido “com tranquilidade, muita serenidade” as declarações do dirigente nacional e afirmou ter “muito respeito por Bruno”. No entanto, lembrou que continua na disputa e ressaltou que a história do PSD na Paraíba se entrelaça com a sua.

“Eu sou um dos fundadores do partido. Ao lado do saudoso Rômulo, fomos os dois primeiros filiados do partido na Paraíba. Percorremos municípios juntos, colhemos as assinaturas, acompanhamos o partido desde a sua criação e somamos todos esses esforços, junto ao presidente Kassab, para tornar o PSD uma realidade”, frisou Manoel.

Para não falar apenas do passado, Ludgério destacou que continua trabalhando pela sigla. “Estou no segundo mandato como deputado estadual, ajudei e tenho ajudado a fortalecer o partido em vários municípios. O PSD tem a maior concentração de prefeitos em exercício de mandato exatamente em minha base política, o que mostra que tenho buscado fortalecer o partido”, disse.

PRÉ-CANDIDATURA

Em sua fala, Manoel Ludgério teceu elogios ao prefeito Romero Rodrigues, presidente estadual do PSD, e voltou a afirmar que continua na disputa pela indicação do grupo governista para a cabeça da chapa majoritária no pleito de novembro.

“Tenho todo respeito pelas declarações do presidente, pela postulação de Bruno, que é um grande nome, mas mantenho minha predisposição de ser candidato. Temos um longo caminho dentro do novo calendário, e até lá vamos conversar muito, mas eu defendo que nós possamos ter apenas um nome, que possa unir todos os segmentos desse agrupamento político”, assegurou.

Postar um comentário

0 Comentários