Facebook

header ads

Romero acusa Bolinha de tentar politizar debate sobre o covid-19 por eleições


O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, reagiu nesta quinta-feira, 23, às declarações do presidente da CDL e pré-candidato ao Palácio do Bispo, Artur Bolinha (PSL), que esta semana havia criticado a decisão do chefe do executivo municipal de acatar a recomendação do Ministério Público e desistir da abertura do comércio no dia 20. Tanto a fala quanto o rebate ocorreram na Campina FM.

Ao ser questionado sobre as declarações de Bolinha, Romero – ao seu estilo direto-indireto – acusou o presidente da CDL de estar politizando o debate sobre o coronavírus. “Quero dizer que não vou perder tempo com esse tipo de discussão política porque não devemos promover a politização desse tema”, reagiu.

O prefeito ainda deu a entender que o pré-candidato do PSL procura criar uma controvérsia para manter-se em um debate com fins eleitoreiros. “Vou continuar trabalhando, e não batendo boca, discutindo, politizando o tema. Estamos num ano eleitoral e tem muita gente querendo pegar nesse processo eleitoral carona em covid-19”, disse.

“Vou trabalhar de forma técnica, responsável, preocupado com a vida das pessoas e com a pretensão da retomada das atividades comerciais, dialogando, como sempre tenho feito e sem insultar quem quer que seja. Do jeito que eu posso ser acusado por não abrir o comércio, podem atribuir a mim a morte de alguém que acontecer nessa cidade. Diante do imponderável, do imaterial, da incerteza, a precaução é o melhor remédio”, complementou Romero.

O prefeito ainda defendeu a decisão de optar por uma definição consensual sobre a retomada das atividades econômicas. “Não vou politizar o tema nem com ele nem com quem quer que seja. Estou agindo dentro das minhas atribuições, de uma responsabilidade muito grande com as vidas das pessoas. Fiz um esforço para tentar, na base da conciliação, iniciar um processo de abertura, mas não consegui convencer o MP. Vou continuar trabalhando e tentando convencer”, concluiu.

Postar um comentário

0 Comentários