Facebook

header ads

João Pessoa e Campina vão concentrar 90% dos casos de coronavírus

O secretário de Saúde do Estado, Geraldo Antônio Medeiros, revelou durante uma transmissão nas redes sociais que a expectativa é de que cerca de 90% dos casos de coronavírus na Paraíba se concentrem entre Campina Grande e João Pessoa. A maioria deve ocorrer na capital. “O percentual de casos ocorre predominantemente, 90%, em João Pessoa e Campina Grande. Somente 10% dos casos ocorrerão em outros municípios do interior”, disse.

Geraldo Medeiros destacou que essa realidade justifica o fato de o Governo do Estado concentrar a estrutura de atendimento nestas duas cidades. “Por isso a importância de mostrar à população do interior da Paraíba porque estamos focando, numa estrutura complexa que requer o paciente portador do coronavírus, inicialmente em Campina e João Pessoa”, explicou.

Respondendo perguntas de jornalistas e internautas, Geraldo Medeiros ainda relatou por que pacientes mais graves de municípios do interior paraibano serão transferidos para Campina. De acordo com ele, a mão de obra qualificada é fator decisivo.

“Aqueles pacientes graves, que necessitam de cuidados intensivos, isto é, aqueles que são entubados, postos em ventilação mecânica, serão removidos imediatamente para Campina Grande porque essa doença requer uma equipe multiprofissional, de profissionais com expertise no manuseio de ventilação e o interior não dispõe destes recursos humanos em quantidade suficiente”, explicou o secretário.


Postar um comentário

0 Comentários