Vereador propõe criação de cargo de agente de segurança escolar em CG


O vereador Pastor Luciano Breno apresentou na Câmara Municipal de Campina Grande um projeto de indicação em que propõe ao prefeito Romero Rodrigues a criação do cargo de agente de segurança escolar. Na matéria, o parlamentar ressalta a ocorrência frequente de casos de violência no ambiente das escolas em todo o país, desde casos de menor gravidade até atentados que resultam em grandes tragédias.
   
“Com o crescente número de ataques às escolas, que resultam em mortes e feridos, em todo o território brasileiro, é importante dar uma atenção especial para esses acontecimentos e assim proteger nossas crianças e adolescentes, como também proteger todos os profissionais e demais cidadãos que trabalham e frequentam todos os dias os estabelecimentos de ensino”, pondera o vereador na justificativa.

Conforme a proposta, o agente de segurança escolar é um profissional capacitado a atuar na intervenção em situações de violência, assim como na prestação de serviços de primeiros socorros, combate inicial a incêndios, adequada evacuação dos prédios e outras atividades afins, fundamentais para resguardar o bem-estar de crianças, adolescentes, servidores e frequentadores das escolas.

A indicação prevê uma relação proporcional entre o número de agentes de segurança e a quantidade de alunos. Para escolas com até 1.000 estudantes, deverão ser dois agentes; para escolas com faixa entre mais de 1.000 e 2.000 alunos, três agentes; e para estabelecimentos com mais de 2.000 alunos, quatro agentes.

“Trata-se de um investimento em recursos humanos qualificados para a prestação dos mais indispensáveis serviços aos estudantes em situações de emergência, desde aquelas de menor gravidade até as de maior seriedade, uma medida fundamental para a efetiva segurança dos nossos alunos da rede pública de ensino”, disse o vereador Pastor Luciano Breno.

Nenhum comentário

.