Domingo registrou maior temperatura dos últimos 56 anos em Campina Grande


A meteorologista da Aesa, Marle Bandeira, fez uma revelação impressionante durante o Jornal Integração desta terça-feira na rádio Campina FM: o calor insuportável do último domingo em Campina Grande, que tanta queixa gerou das pessoas, representou de fato o dia mais quente dos últimos 56 anos na Rainha da Borborema.

De acordo com a especialista, em pleno período da primavera, a temperatura chegou aos 35 graus, com sensação térmica de 40 graus em algumas áreas da cidade, como o centro, no domingo. Marle explicou que trata-se de uma das mais elevadas temperaturas já registradas oficialmente pela agência em Campina Grande.

“A sensação foi ainda mais elevada porque o céu estava sem nuvens, então a radiação solar incide diretamente, e o vento estava também bastante fraco. Todos esses ingredientes contribuíram para essa sensação de calor ainda maior que os números registrados pelos termômetros”, comentou.

Segundo Marle Bandeira, o normal para esse período do ano seriam temperaturas de cerca de 30 graus. Ainda conforme a meteorologista, áreas como o centro da cidade ampliam ainda mais a sensação térmica por causa do que chama de “ilhas de calor”, formadas pelo asfalto e os prédios. 

Nenhum comentário

.