PSL está acéfalo na Paraíba, afirma deputado do partido à Campina FM


O deputado estadual Cabo Gilberto Silva evitou entrar em detalhes sobre o quadro interno do PSL paraibano durante fala veiculada no Jornal Integração da Campina FM nesta segunda-feira, 09. Mas, uma vez questionado pelo repórter Paulo Pessoa se a legenda estaria acéfala e sem comando no estado, não se omitiu de dizer o que pensa.

“Sem dúvida nenhuma. O partido está desunido. Todo mundo saindo, indo pra outros partidos, eu fico muito triste com essa situação, mas eu respondo por mim, o presidente responde pelo partido e vamos pra frente”, afirmou, sem mencionar o nome do responsável pela legenda na Paraíba, o deputado federal Julian Lemos.

O Cabo Gilberto, contudo, ainda explicou que não existe atividade orgânica no PSL, como, por exemplo, reuniões com os seus integrantes. E acrescentou que, mesmo tendo o mandato de deputado estadual, não é convocado pela direção para qualquer tipo de conversa.

“Eu vejo com bastante tristeza essa questão do PSL, mas quem pode falar por ele é o presidente (estadual). Eu não tenho nenhuma ingerência no partido, não participo de nenhuma reunião. Para mim, nada mudou, continua do mesmo jeito. A diferença minha para outro filiado é que eu tenho um mandato”, confirmou.

Nenhum comentário

.