Pneu furado deixa mais de 400 alunos sem aula em CG, denuncia APLP


Um pneu furado está prejudicando o ensino de cerca de 400 alunos, da rede estadual de ensino, na zona rural de Campina Grande. A informação é da Associação dos Professores de Licenciatura Plena do Estado (APLP), que diz ter sido procurada por pais de estudantes nos últimos dias.

O pneu seria de um ônibus locado pelo Governo do Estado e que atende estudantes das escolas Rubens Dutra Segundo, que fica em Catolé de Boa Vista, Maria Augusta, no Sítio Lucas, e Valdízia Borborema Cunha Lima, no sítio Estreito. O problema estaria sendo registrado há pelo menos duas semanas, segundo o vice-presidente da APLP, professor Odenilson Medeiros.

“Os pais ligaram para a APLP comunicando que os filhos não estão assistindo aulas sob o pretexto de que o ônibus que transporta os alunos estourou um pneu. A gente requer da Terceira Regional de Ensino que resolva esse problema. Isso não faz sentido. Um aluno passar quinze dias sem assistir aula porque estourou o pneu de um ônibus é ridículo”, disse.  

De acordo com o professor, quando as aulas forem normalizadas, os docentes vão tentar repor o que foi perdido durante o período para minimizar os impactos do prejuízo.

Fonte: Blog do PP

Nenhum comentário

.