Renan Maracajá é ouvido pela PF, divulga nota e nega crimes


Apontado como integrante de um esquema criminoso que fraudava licitações da merenda escolar em Campina Grande, o vereador Renan Maracajá divulgou uma nota à imprensa na manhã desta quinta-feira, 25. No texto, o parlamentar confirma que foi ouvido pela Polícia Federal e nega participação nos crimes. Veja o texto na íntegra:

Nota de Esclarecimento

O vereador Renan Maracajá (PSDC) vem esclarecer que em relação à Operação Famintos da Policia Federal, na qual foi citado, já prestou depoimento às autoridades policiais e aguarda o desenrolar das investigações.

Ele nega qualquer envolvimento e relação com os acusados, bem como se coloca à disposição da justiça para colaborar com as investigações, acreditando na justiça e que a verdade dos fatos virá à tona.

Renan Maracajá prestou esclarecimentos na sede da Polícia Federal em Campina Grande, nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira, 25. Por fim, ele agradece as manifestações de confiança na probidade do seu nome e ressalta a postura ética que baliza o seu mandato popular.

Sigamos em frente,
Renan Maracajá

Nenhum comentário

.