Contrário ao fim do feriado de 24 de junho, Galego do Leite espera veto do prefeito Romero Rodrigues


O vereador Galego do Leite (Podemos) foi um dos parlamentares que votaram contra o projeto de lei aprovado por maioria na semana passada que promove mudanças no calendário de feriados do Município, inclusive fazendo com que o dia 24 de junho, Dia de São João, deixe de ser feriado.

Para Galego, a alteração é desnecessária e atinge uma data tradicional na cultura nordestina e, destacadamente, campinense. "Independente até mesmo de aspectos religiosos, o São João é uma data com forte representatividade cultural em nosso município", ponderou.

“Na verdade, fiquei surpreso com essa propositura e, sobretudo, pelo fato de o autor ser o vereador Antônio Alves Pimentel Filho, que é bastante ligado à Igreja Católica e, por isso mesmo, não esperava que partisse dele essa ideia que desprestigia uma data importante para os católicos”, acrescentou.

O vereador lembrou que o Maior São João do Mundo é o maior evento da Paraíba e uma das mais expressivas manifestações culturais do país, sendo por isso justificado o feriado em 24 de junho. Ele revelou esperar que o prefeito Romero Rodrigues vete a matéria.

"Sendo uma mudança que afeta mais de maneira negativa que positiva a cidade como um todo, a minha expectativa é que o chefe do poder executivo vete esse projeto", confirmou, acrescentando que a população de Campina Grande é maioritariamente contrária ao fim do feriado de 24 de junho.

Nenhum comentário

.