Vereador quer prioridade para diabéticos em exames em jejum e proibição de venda de refrigerantes nas escolas


Tramita na Câmara Municipal de Campina Grande um projeto de Lei de autoria do vereador Alexandre do Sindicato (PHS) que propõe que diabéticos tenham prioridade em atendimentos para exames que requeiram que o paciente esteja em jejum. “Como todos sabem, quem tem diabetes não pode ficar longos períodos sem se alimentar, o que se torna uma preocupação a mais quando estas pessoas precisam fazer exames em jejum”, explicou o parlamentar.

Alexandre revelou que teve a atenção atraída para esse tipo de situação por conta de um caso doméstico, já que a mãe do vereador é diabética. “Acredito que seja uma situação justificada e compreensiva, para que esses cidadãos possam ter prioridade. Afinal de contas, se trata de uma medida para assegurar o bem-estar desses pacientes”, comentou. A matéria ainda aguarda inclusão na ordem do dia para ser votada pelo plenário da Câmara.

REFRIGERANTES NA ESCOLA

Outro projeto de autoria de Alexandre do Sindicato quer proibir de vez a comercialização de refrigerantes no interior de escolas em Campina Grande, públicas ou privadas. Para o vereador, trata-se de uma medida de saúde pública. “É alarmante o número de crianças obesas e que começam muito cedo a apresentar problemas de saúde decorrentes do excesso de peso”, ponderou.

“E o refrigerante é um dos vilões desse quadro. Todos nós sabemos o mal que esse tipo de bebida, sobretudo quando consumida com frequência, produz ao organismo. E é muito mais difícil para a criança e o adolescente evitar o consumo, razão pela qual muitas escolas da rede privada já adotaram a iniciativa de cortar a venda, ação que precisamos estender a todas as escolas”, disse.

Nenhum comentário

.