Inadimplência diminui em Campina Grande nos dois primeiros meses do ano, informa CDL


O número de inadimplentes diminuiu consideravelmente no início de 2016 em Campina Grande, segundo o levantamento realizado pela Câmara de Dirigentes Lojistas junto ao SPC Brasil.

De acordo com a pesquisa, o consumidor campinense começou o ano mais consciente quando se refere às novas dívidas. Nos dois primeiros meses do ano, 1.995 pessoas tiveram o nome negativado junto ao órgão de proteção ao crédito enquanto em 2015 foram registradas 2.395 negativações, o que corresponde a diminuição de 17% da inadimplência no mesmo período do ano passado.

A justificativa para a negociação das contas em atraso pode estar associada ao aumento das vagas de emprego na cidade. “Campina Grande abriu 781 vagas de trabalho no último mês de janeiro e sabemos que isso pode ter contribuído de forma significativa para a diminuição do índice de inadimplência, pois, a partir do momento em que o trabalhador tem uma fonte de renda para quitar as dívidas ele assim vai fazer”, disse Artur Almeida, presidente da CDL.

Outra razão apresentada é a preocupação do consumidor com a situação de incerteza da economia do país. “As pessoas estão sendo bombardeadas com notícias negativas sobre os rumos da economia e do aumento da inflação e isso faz com que fiquem mais cautelosas”, completou.

O levantamento de endividamento do consumidor campinense é realizado todos os meses pela CDL Campina Grande junto ao SPC Brasil.

Fonte: Assessoria

Nenhum comentário

.