Anderson Maia poderá assumir liderança da oposição na Câmara Municipal


Em seu segundo ano na Câmara Municipal, o vereador do PSB Anderson Maia já poderá assumir a liderança da bancada de oposição, tendo em vista que seu correligionário, Murillo Galdino, que exerce atualmente a função, anunciou que não pretende continuar comandando o bloco, e o mais cotado, Olimpio Oliveira (PMDB), avisou que não quer voltar ao mister.

Rodrigo Ramos (PDT) disse que não está em seus planos assumir a bancada e elencou uma série de justificativas, incluindo uma curiosa tese de que parte da imprensa está ao lado do governo municipal e, por isso, o líder viraria alvo de ataques. Galego do Leite (PTN) também não manifesta interesse na função.

Depois de Olimpio, o nome mais cotado para a tarefa seria Napoleão Maracajá, mas o vereador do PCdoB sinaliza com uma possibilidade – ainda que remota – de candidatura a prefeito. Enquanto isso, Anderson, que é aliado e correligionário do governador Ricardo Coutinho e sobrinho do secretário chefe de Gabinete do Estado, Fábio Maia, manifesta disposição para liderar a bancada.

Uma reunião do bloco deverá acontecer nos próximos dias para definir a questão.

Nenhum comentário

.