Vereador Alexandre do Sindicato divulga nota de esclarecimento e desmente filiação ao PSDC


O vereador Alexandre do Sindicato, presidente municipal do PROS em Campina Grande, esclarece, a respeito das informações divulgadas por alguns órgãos de imprensa a partir, sobretudo, de declarações de dirigentes partidários, que não procede a afirmação de que foi definida sua ida para o PSDC e sua saída da bancada de sustentação do prefeito Romero Rodrigues.

Alexandre explicou que participou de duas reuniões com dirigentes do PSDC, nas quais foi considerada a possibilidade de uma candidatura sua a prefeito de Campina Grande, mas que não houve qualquer definição. “Qual político não tem o sonho de disputar a prefeitura da sua cidade? Conversei com o PSDC nesse sentido, mas nada de efetivo ficou acertado”, disse.

O vereador lembrou, ainda, que o diálogo de parlamentares com outras legendas em anos que antecedem eleições é uma imposição do modelo eleitoral do país, cujo sistema proporcional estabelece uma intrincada matemática de partidos, coligações e concorrentes. Sobre uma eventual saída da bancada de sustentação do prefeito Romero Rodrigues, Alexandre esclarece que essa possibilidade não foi cogitada. 

“O mal entendido sobre esse aspecto surgiu porque ponderamos que, havendo uma definição para uma candidatura majoritária nossa, teríamos a honestidade de conversar com o prefeito e o entendimento de que, obviamente, em tais condições, não poderíamos nos manter na base. Mas, é preciso reafirmar, não houve encaminhamento algum que demandasse essa decisão”, garantiu.

O parlamentar também ressaltou que, além do PSDC, recebeu convites de outros partidos, como o PRB, para disputar a reeleição, mas ponderou que seu futuro político será definido com cautela e em conformidade com as possibilidades apresentadas pelo cenário eleitoral. Alexandre do Sindicato lembrou que tem até outubro para tomar uma decisão e frisou que, no momento, a prioridade é continuar desenvolvendo um mandato produtivo e focado nos interesses e demandas da população.

Nenhum comentário

.