Vereador pede que autoridades coíbam abusos em calouradas na UFCG


O vereador Alexandre do Sindicato (PROS) protocolou requerimento na Câmara Municipal de Campina Grande solicitando providências à Superintendência Trânsito e Transportes Públicos (STTP), ao comando da Polícia Militar e da CPTran para coibir os abusos praticados durante festas promovidas frequentemente às sextas-feiras em frente à Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) por estudantes.

As chamadas “calouradas” têm sido objeto de repetidas reclamações da população porque é comum, durante as festas, a Avenida Aprígio Veloso, que dá acesso ao bairro de Bodocongó, IML, Hospital da FAP, ao distrito de São José da Mata e à saída da cidade para o Sertão, ficar parcialmente interditada, provocando engarrafamentos e transtornos ao trânsito, sobretudo ao transporte coletivo.

“A via pública acaba tomada por jovens e veículos, atrapalhando gravemente o fluxo na área, sobretudo de ônibus, causando, portanto, severos transtornos a trabalhadores que se dirigem para suas residências e afrontando a legislação. É fácil se observar o uso farto de álcool, som de carros em volume abusivo, provocações a motoristas e motociclistas, dentre outros absurdos”, comentou Alexandre, no requerimento.

O vereador deixou claro que não é objetivo da matéria impedir a manifestação dos estudantes, mas garantir o respeito à ordem pública e coibir a afronta às leis. “Não temos a intenção de restringir a liberdade dos estudantes de promover tantas festas quanto queiram, mas buscamos resguardar o direito da população em geral e o respeito às leis”, justificou Alexandre do Sindicato. O requerimento ainda aguarda apreciação do plenário, antes de ser encaminhado pelo poder legislativo aos órgãos citados.

Nenhum comentário

.