Pré-candidata do PT: “Quando não dá na lei, a gente faz na marra. Foi assim que a gente aprendeu”


Condenada por abuso de poder político supostamente praticado durante a eleição para a prefeitura de Fortaleza em 2012, a ex-prefeita da capital cearense, Luizianne Lins (PT), figura como pré-candidata petista ao governo daquele estado, e, durante discurso para militantes, sob aplausos, foi clara ao revelar o tom da atuação do partido.

Ao comentar que vai recorrer da condenação (que é de primeiro grau), Luizianne foi direta, numa mensagem estarrecedora que expõe a didática petista: “A linguagem que a gente entende não é essa, não. Não é essa da justiça, não é essa da formalidade. Nossa linguagem é a linguagem da rua, do povo, porque quando não dá na lei, a gente faz na marra, porque assim que a gente aprendeu”.

Nenhum comentário

.