Vereadores ainda aguardam convocação para votar ajuste do salário mínimo para servidores municipais


Os 23 vereadores de Campina Grande ainda aguardam o recebimento de convocação, pela mesa diretora da Câmara Municipal, para a sessão extraordinária na qual deverão apreciar e aprovar projeto enviado pelo poder executivo ajustando o valor do salário mínimo pago aos servidores municipais ao novo mínimo nacional.

Em dezembro, a presidente da República, Dilma Rousseff, anunciou o novo mínimo, que passou de R$678 para R$724, com validade já a partir de primeiro de janeiro. De acordo com o prefeito Romero Rodrigues, em Campina Grande, os demais servidores, que recebem acima do mínimo, terão reajuste no mês de maio.

Apesar de o prefeito ter assinado o projeto no dia 03 de janeiro, antes da reunião com seu secretariado, até agora os parlamentares não foram convocados para a votação da matéria. Os vereadores campinenses não recebem verba extra (os chamados jetons) pelas sessões extraordinárias. O recesso parlamentar termina no dia 20 de fevereiro.

Nenhum comentário

.