Galego do Leite e Ivam Batista não apresentaram um único projeto de lei no semestre. Desempenho de Ivam é o pior


Enquanto o vereador Alexandre do Sindicato (PTC) apresentou 25 projetos de Lei Ordinária no primeiro semestre na Câmara Municipal, Bruno Cunha Lima (PSDB) propôs 22 e Marinaldo Cardoso (PRB), 20, Galego do Leite (PMN) e Ivam Batista (PMDB) não apresentaram um único projeto do tipo. Repita-se: nenhum, zero, nadinha.

O desempenho do peemedebista é, de longe, o pior da Câmara Municipal de Campina Grande no primeiro semestre de 2013. O vereador conseguiu a façanha de, em seis meses, apresentar míseros treze (13!!!) requerimentos. Para que se tenha uma idéia mais clara, Galego do Leite, que empatou com Ivam na não apresentação de projetos de lei, propôs 49 requerimentos.

O campeão deste tipo de propositura foi, também, Alexandre do Sindicato, com 236 requerimentos, seguido de Marinaldo Cardoso (204) e Miguel Rodrigues, do PPS (158). Os dados estão no sistema de protocolo da Câmara Municipal de Campina Grande e são referentes ao período até o último dia 20, quando os vereadores entraram no período de recesso do meio do ano.

Existe, entre os vereadores com fraco desempenho, uma velha, surrada e infeliz desculpa, de que o trabalho parlamentar não se resume ao plenário. Ora, se um vereador não tem presença marcante nas discussões, se não propõe leis e se mal apresenta meros requerimentos, o que de tão mágico pode fazer nos bastidores para minimizar um desempenho tão absurdamente pífio? Ninguém cai numa conversa destas.

5 comentários

Anônimo disse...

Sem preconceito, mas quem elegeu ambos foi a periferia, o eleitor menos esclarecido e é isso que eles merecem.

Anônimo disse...

Bom dia, acredito que você tenha uma informação errada sobre o Galego, lembro de ter ouvido falar sobre o projeto dele sobre a casa de abrigo. Procure saber, Galego é uma boa pessoa e tem trabalhado muito nas ruas.

Anônimo disse...

Não concordo quando diz que a periferia foi que os elegeu e por isso deu no que deu, a respeito da periferia não acho que lá só tenha desentendido ou desinformados, porém, acredito na capacidade dos vereadores citados. Galego do Leite em suas entrevistas já deixou bem claro que o período é de estudo, ele está procurando se encontrar nesse novo meio. E o vereador Ivan não é nenhum inexperiente muito pelo contrário voltou a casa com muita honra.

Lenildo Ferreira disse...

Sobre o comentário "Bom dia, acredito que você tenha uma informação errada sobre o Galego, lembro de ter ouvido falar sobre o projeto dele sobre a casa de abrigo. Procure saber, Galego é uma boa pessoa e tem trabalhado muito nas ruas":

Caro amigo, as informações aqui publicadas constam do sistema de protocolo da Câmara Municipal e não há registro do projeto por você mencionado. No mais, são informações sobre a atuação parlamentar em plenário, jamais julgamentos sobre as qualidades pessoais dos parlamentares. Obrigado

Anônimo disse...

Se algum deles tiver algum projeto esse semestre merece sim um pedido de desculpas. Lenildo parabéns pelo trabalho você faz o que muitos não fazem, mas também concordo com o comentário acima quando fala da qualidade dos vereadores, tipo, ficou parecendo que são incompetentes como um todo, não só a atuação parlamentar. Mas é válida a sua matéria e que ela sirva para atentarem os vereadores para o trabalho.

.