MEC exclui 330 faculdades do Prouni por descumprimento de normas do programa. Uma delas é a Unesc


O Diário Oficial da União de ontem trouxe a relação de 330 instituições de ensino superior que foram descredenciadas pelo Ministério da Educação (MEC) do Prouni (Programa Universidade para Todos) porque não comprovaram, no prazo hábil, a quitação de tributos e contribuições federais. De acordo com a Secretaria de Educação Superior do MEC, ainda cabe recurso às faculdades descredenciadas.

O prazo para recorrer, porém, é curto, e termina no próximo dia 25, sexta-feira. De acordo com o MEC, os alunos que já estão fazendo cursos nas instituições descredenciadas não serão prejudicados. A União de Ensino Superior de Campina Grande (Unesc) está na lista das entidades excluídas do Prouni. Não é a primeira turbulência na Unesc.

No mês passado, professores cruzaram os braços reclamando de atrasos nos salários, o que teve como conseqüência uma manifestação de alunos contra a paralisação das aulas. Nas redes sociais, os estudantes da Unesc questionaram o deputado federal Damião Feliciano (PDT), reconhecido como proprietário da instituição, sobre a greve dos professores, mas o parlamentar não se pronunciou.

Veja o Diário Oficial da União de 20 de maio clicando AQUI.

Nenhum comentário

.