Ao lado do PMDB, Mobilização Democrática terá maior bancada da Câmara Municipal de Campina Grande



Resultado da fusão entre o Partido Popular Socialista (PPS) e o Partido da Mobilização Nacional (PMN), a Mobilização Democrática (MD) terá quatro vereadores na Câmara Municipal de Campina Grande, despontando como maior força da Casa, ao lado do PMDB.

O PPS conta com um vereador na Casa de Félix Araújo, Miguel Rodrigues; Já o PMN tem três representantes: Rodrigo Ramos, Sargento Régis e Galego do Leite. As duas legendas oficializaram nesta quarta-feira, em Brasília, a fusão que já havia sido cogitada em 2006.

Como a perspectiva é de desagregação do PMDB, com a perda de membros na Câmara Municipal de Campina Grande, é possível que a MD passe a ser, até o final do ano, a maior bancada da casa. Até agora, três dos quatro vereadores do PMDB já sinalizaram com a possibilidade de deixar a sigla.

No momento, as informações são de que Lídia Moura, presidente estadual do PMN, deverá ganhar a queda de braço, garantindo o comando da nova legenda.

Nenhum comentário

.