Vereador quer proibir a dupla função motorista/cobrador nos ônibus em Campina Grande

O vereador Olimpio Oliveira (PMDB) protocolou na manhã desta quinta-feira (21) o Projeto de Lei nº 080/2013, que dispõe sobre a proibição de motorista de ônibus acumular a função de cobrador de tarifas, nas linhas do Sistema Municipal de Transporte Coletivo Urbano de Campina Grande.

Segundo Olimpio, as empresas que operam o Sistema de Transporte Coletivo Público de Campina Grande estão gradativamente abolindo o cargo de cobrador de tarifas, a propósito da redução dos custos operacionais, mas gerando desemprego e obrigando o motorista a acumular as funções, com prejuízos à qualidade da condução e aumentando o risco de acidentes durante os trajetos.

“O trabalho do motorista é dirigir o ônibus, algo de grande responsabilidade e que já exige redobrada atenção. Ao acumular a função de cobrador de tarifas, as suas preocupações são ampliadas e o desgate é inevitável, colocando em risco os passageiros e transeuntes. O nosso projeto surge para propiciar mais segurança e proteger o emprego de centenas de cobradores”, explicou Olimpio.

Assessoria

Um comentário

Anônimo disse...

CONCORDO PLENAMENTE COM O VEREADO OLIMPIO,MOTORISTA DE ONIBUS FAZENDO DUPLA FUNÇÃO,PARA REDUZIR OS GASTOS OPERACIONAIS DA EMPRESA E COLOCANDO AS VIDAS DOS PASSAGEIROS EM RISCO E SOBRECARREGANDO A FUNÇÃO DO MOTORISTA.ESPERO QUE ESSA MEDIDA, DE RESULTADO QUANTO MAIS RAPIDO POSSIVEL,PORQUE O NOSSO BRASIL SO TOMA ALGUMA ATITUDE DEPOIS QUE ACONTECE UMA TRAGEDIA.PARABÉNS VEREADOR OLIMPIO POR ESSA ATITUDE.

.