Senado elege presidente hoje. Disputa fica entre Renan Calheiros, favoritíssimo, e Pedro Taques


O Senado vai eleger nesta sexta-feira (1º) seu novo presidente para o biênio 2013-2014. Pelo quadro de candidaturas definido até o momento, o embate se dará entre os senadores Renan Calheiros (PMDB-AL) e Pedro Taques (PDT-MT).

A eleição será realizada durante reunião preparatória marcada para as 10h no Plenário, e será comandada pelo atual presidente, José Sarney. O nome do novo presidente será decidido por maioria simples de votos, com a presença da maioria absoluta dos senadores (41 dos 81 parlamentares).

Após reunião no fim da tarde desta quinta-feira (31), com a presença de Sarney, o PMDB anunciou que Renan Calheiros será o candidato da legenda para concorrer à Presidência. Ele já foi presidente do Senado, entre 2005 e 2007. O senador Romero Jucá (PMDB-RR) foi indicado pela legenda como candidato à 2ª vice-presidência da Mesa do Senado. O novo líder do partido na Casa é o senador Eunício Oliveira (CE).

Além de concorrer pelo partido mais numeroso do Senado (20 cadeiras), Renan Calheiros conta com o apoio do Palácio do Planalto, de acordo com o noticiário dos últimos dias. O PT, partido da presidente Dilma Rousseff é a segunda agremiação com mais vagas (12).

O candidato do PMDB terá como adversário o senador Pedro Taques, que está em seu primeiro mandato. Taques, cujo partido tem cinco cadeiras na Casa, conta com o apoio do senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP), o único representante da agremiação no Senado, que retirou sua candidatura em apoio ao colega. O parlamentar recebeu também o apoio do PSDB (11 cadeiras) e conversa com senadores de outros partidos, caso do DEM (4 cadeiras) e do PSB (4 cadeiras).

Com uma proposta de "restauração do Legislativo", Pedro Taques diz que sua candidatura não é de oposição, mas faz "parte do jogo democrático". Ele disse que seu principal objetivo é promover o "debate de ideias" no Senado.

O senador Renan Calheiros não se pronunciou sobre sua plataforma. De acordo com o presidente em exercício do PMDB, senador Valdir Raupp (RO), Renan só vai falar nesta sexta como candidato oficial do partido.

Agência Senado

Nenhum comentário

.