Apesar de neutralidade de Daniella, prefeito eleito revela reaproximação com Enivaldo Ribeiro

Terminado o primeiro turno, a deputada estadual Daniella Ribeiro (PP) anunciou que adotava posição de neutralidade e não apenas negou-se a apoiar um dos candidatos que continuaram na disputa como fez duras críticas a ambos, que, para ela, seriam tutelados por chefes políticos.

No correr da campanha, uma bandeira com o número do tucano Romero Rodrigues e um encontro entre o ex-prefeito Enivaldo Ribeiro, presidente do PP estadual, e um irmão do candidato em um restaurante da cidade chegou a aquecer especulações sobre uma eventual mudança na posição da pepista, coisa que acabou não acontecendo.

No entanto, agora, após a vitória, ao agradecer a algumas lideranças das quais recebeu apoio no segundo turno, Romero revelou uma aproximação (ou reaproximação) com Enivaldo. “Conversamos várias vezes durante a campanha no decorrer desse segundo turno. Agradeço a sinalização de confiança e apoio do prefeito”, afirmou o tucano.

Note-se que o nome de Daniella Ribeiro não foi citado.

Em 2010, a decisão de Romero de ser candidato a deputado federal foi apontada por Enivaldo Ribeiro como a gota d’água que levou a família, que comanda o PP, a deixar a coligação do então candidato a governador Ricardo Coutinho.

Nenhum comentário

.