Projeto de Lei de vereador batiza Parque do Povo com o nome de Ronaldo Cunha Lima

Apesar do período de recesso, o vereador João Dantas (PSD) deu entrada em um Projeto de Lei Ordinária que pretende dar o nome do ex-prefeito e ex-governador Ronaldo Cunha Lima, que morreu no último dia 07, ao Parque do Povo. O equipamento foi inaugurado em 1986, durante a segunda gestão de Ronaldo à frente da prefeitura.

João Dantas deu entrada no projeto no último dia 09, apenas dois dias após a morte do ex-prefeito. De acordo com a ementa, se o PLO for aprovado, o Parque do Povo passará a ser denominado Parque Poeta Ronaldo Cunha Lima. A matéria deverá ser apreciada após o fim do período de recesso.

Além da propositura de Dantas, um outro projeto envolvendo o nome do ex-governador foi apresentado na Câmara Municipal. Da autoria de Cassiano Pascoal (PMDB), o Projeto de Lei Ordinária que “denomina o piso superior do Parque do Povo de ‘Arraial do Poeta’” foi aprovado no dia 16 de maio, antes da morte do homenageado.

A placa

Apesar de as homenagens póstumas levarem políticos dos mais diversos segmentos a prestarem tributo ao ex-prefeito, ex-governador e ex-senador Ronaldo Cunha Lima, a placa metálica da inauguração do Parque do Povo, retirada pela atual gestão, jamais foi reposta. O gesto grosseiro é tanto mais lamentável porque a placa, mais que um mero registro da inauguração de uma obra, tornou-se parte histórica da paisagem do Parque do Povo.

Uma homenagem - à história de Campina, principalmente - seria a prefeitura mandar repor a placa no local de onde ela jamais deveria ter sido retirada.

Nenhum comentário

.