Requerimentos aprovados na Câmara Municipal são atendidos e recarga do 'Vale Mais' começa a ser descentralizada

A Prefeitura anunciou, em sua página oficial na internet, que “a STTP estará disponibilizando, no prazo de 60 dias, um novo espaço destinado a cargas e recargas dos cartões ‘Vale Mais’ usado nos transportes coletivos de Campina”.

De acordo com a matéria, a novidade tem como meta “evitar os tumultos e estresses enfrentados em dias de pico nas dependências do Sitrans, e melhorar o atendimento aos usuários do transporte coletivo”. O novo local de recarga do Vale Mais será o terminal de integração – que a prefeitura insiste em contar como sendo dois terminais.

“Segundo o superintendente da STTP, Salomão Augusto, está sendo montada uma grande estrutura com sistemas de monitoramento, cabines e guichês, a exemplos das que existem atualmente no Sitrans, bastante estruturados e com vidros a prova de bala”, revela o texto.

O que não é dito é que a descentralização da recarga dos cartões atende a um antigo requerimento da Câmara Municipal de Campina Grande.

Em seu portal, o vereador Olímpio Oliveira, no mês de janeiro, lembrou que, “essa é uma reivindicação antiga do mandato do vereador Olímpio, o qual desde 2008 pautou essa demanda na Câmara Municipal através de requerimentos solicitando a descentralização da recarga dos Cartões Eletrônicos do vale-transporte e do Passe Escolar”.

A assessoria do vereador registra que o requerimento foi apresentado em mais de uma oportunidade. E, na sessão da última terça-feira, Olímpio Oliveira voltou a se mostrar perplexo com o fato de, sendo Campina Grande um pólo tecnológico, a recarga do Vale Mais ainda continuar limitada ao ambiente tumultuado do Sitrans. Agora, finalmente, as reivindicações do legislativo municipal começam a ser atendidas.

Nenhum comentário

.