Na tribuna da Câmara, Antônio Pereira afirma que suplente Marinaldo Cardoso teria comercializado terrenos de invasão

Durante pronunciamento na tribuna da Câmara Municipal na manhã de hoje, o vereador Antônio Pereira (PMDB) fez uma séria acusação contra o ex-vereador Marinaldo Cardoso, atualmente segundo suplente. Ao falar sobre a ocupação indevida do espaço público, Pereira citou os nomes de dois ex-prefeitos que, segundo ele, teriam feito inúmeras doações de imóveis a populares durante suas gestões: Enivaldo Ribeiro e Ronaldo Cunha Lima.

“As ocupações de terras em Campina são coisa de estarrecer qualquer um. Quem conhece Campina Grande sabe o processo de invasão que tem aqui e o quanto isso já favoreceu aos feudos políticos”, declarou.

Em seguida, Pereira relatou uma suposta transação envolvendo o suplente. O peemedebista afirmou que, ao visitar áreas consideradas de invasão nas proximidades do Hospital Rubens Dutra Segundo, quase às margens do Canal de Bodocongó, teria ouvido de moradores que os terrenos foram comprados a Marinaldo.

“Toda aquela área ali é de invasão. Eu já fui lá conversar com as pessoas para saber. Perguntei: ‘Como é isso aqui?’. ‘Isso aqui foi o vereador tal que vendeu’. Perguntei: ‘Mas, você tem escritura?’; Resposta: ‘Não, foi vendido de boca’”, narrou Pereira. Em seguida, ele revela o nome do ex-vereador: “Eu queria dizer o nome, mas não estou lembrado do nome do cidadão... Mas, é da área ali do Pedregal... Marinaldo! Exatamente”.

Ouvido pelo blog, o ex-vereador Marinaldo Cardoso mostrou-se surpreso com a declaração de Pereira e negou que tenha comercializado os terrenos. “Para mim está sendo surpresa isso aí. Se Pereira diz que ouviu isso de alguém, ele vai ter que provar. Nunca tive nenhum tipo de transação com terreno. Mas, sempre apoiei os necessitados. Só se isso for crime, porque vender terreno, desconheço isso aí”, garantiu, acrescentando que vai se inteirar das declarações do vereador para estudar se adota algum tipo de resposta judicial.

Marinaldo Cardoso somou 3.096 votos na eleição de 2008, ficando na segunda suplência da coligação PRP – PV. Atualmente, está filiado ao PRB, pelo qual deverá tentar voltar à Casa de Félix Araújo.

Nenhum comentário

.