Ladrões furtam cabos e Numol de Campina Grande fica sem telefone até 09 de maio

Quem tentar contato com o Núcleo de Medicina e Odontologia Legal de Campina Grande (Numol), ainda popularmente conhecido como IML, através do número 3333 7630, vai perceber que o telefone só faz chamar, sem que a ligação seja atendida. E não é porque os funcionários da unidade estejam se recusando a atender.

O diretor do Núcleo, Márcio Leandro da Silva, explicou que, em contato com a operadora Oi, foi informado de que o furto de cabeamento elétrico nas proximidades do órgão, que fica às margens do Açude de Bodocongó, ao lado da Vila dos Teimosos, causou o problema que faz com que, para quem liga, seja dado o sinal de que o telefone toca, sem que, todavia, o telefonema se complete.

“Se pelo menos houvesse uma mensagem de falha técnica... Mas, as pessoas telefonam, chama, chama, até cair, como se ninguém estivesse lá para atender”, lamentou o diretor. O pior, todavia, é que segundo Márcio, a previsão da Oi para a solução do problema não é das mais ágeis.

“Eles nos informaram que a previsão é 09 de maio. Apesar da importância desse meio de contato para o Numol, não deram esperanças de resolver o problema antes”, disse.

A eficiência da Oi é mesmo de matar.

Nenhum comentário

.