Vereador entrega documento a executivo para agendar diálogo com direção dos Associados sobre acervo do DB

O vereador Antônio Pereira ( PMDB) entregou ontem o documento ao gerente executivo dos Associados em Campina Grande, Marcelo Antunes, que trata do pedido de audiência entre a direção dos Associados no Nordeste e a comissão formada a partir da sessão extraordinária que discutiu a permanência do acervo do Diário da Borborema, na cidade. À época, a sessão extraordinária foi uma propositura do vereador Antônio Pereira, um dos que encampou a luta pela permanência do acervo na Rainha da Borborema.

A partir de agora, o parlamentar revelou que vai esperar uma data para que a comissão possa se reunir com os diretores dos Associados, a fim de discutir a permanência do acervo fotográfico e jornalístico do Diário da Borborema em Campina Grande. “ A Câmara de vereadores resolveu formar uma comissão para manter dialogo e negociação com a direção dos Associados no Nordeste, a fim de preservar os arquivos na cidade,”observou.

O parlamentar disse que o trabalho segue o ritmo planejado, salientando que o objetivo é buscar uma solução para que a história de Campina Grande seja preservada, já que o acervo em outra localidade perderia funcionalidade, sobretudo para a comunidade acadêmica, para o poder legislativo, para os historiadores e para a sociedade em geral.

“ O momento é de sensibilizar a direção dos Associados, no sentido de preservar a história de Campina Grande tão bem relatada pelo Diário da Borborema ao longo desses mais de 50 anos. Precisamos preservá-lo, pois é um Patrimônio Cultural, político e econômico de nossa cidade, fonte riquíssima de pesquisa, reconhecida pelo povo de Campina Grande”, observou Pereira.

Ele lembrou ainda o compromisso e a intenção da Universidade Estadual da Paraíba em gerenciar o acervo, a partir do curso de Comunicação Social, deixando-o como fonte de pesquisa.

A comissão é composta pela reitora Marlene Alves; o reitor da UFCG, professor Thompson Mariz; o professor Mário Vinícius; o jornalista Júlio César Gomes de Oliveira; o pesquisador e historiador Júnior Flor; o também historiador Thomas Bruno; e os vereadores Antonio Pereira, João Dantas, Olímpio Oliveira, Pimentel Filho e Ivonete Ludgério.

Assessoria

Nenhum comentário

.